Desporto

FC Porto pode ver fugir o Sporting na liderança

2015-09-26 04:41:58 (UTC+01:00)

O FC Porto deixou dois pontos em Moreira de Cónegos ao empatar, a duas bolas, com o Moreirense, numa partida em que esteve em vantagem por duas vezes.

Apesar da igualdade, o treinador Julen Lopetegui somou o 12.º jogo sem perder, um recorde no comando técnico dos dragões.

No Estádio Comendador Joaquim Almeida Freitas, o Moreirense podia mesmo ter sido a primeira equipa a marcar, mas Iuri Medeiros permitiu a defesa a Casillas, depois de um erro de Marcano. Uma oportunidade que, de resto, seria a única ocasião de perigo do conjunto orientado por Miguel Leal durante a primeira parte.

Num encontro jogado a ritmo baixo e com os dragões sempre a controlar as incidências da partida, foi um lance de bola parada que desbloqueou o nulo. Maicon, na marcação de um livre directo a 25 metros da baliza, fez contornar a bola por fora da barreira e inaugurou o marcador, com Stefanovic ainda a ver o esférico bater no seu poste esquerdo.

Até ao intervalo, Osvaldo e André podiam ter dilatado a vantagem portista, mas o guardião do Moreirense opôs-se com qualidade e manteve a equipa no jogo.

Dada a escassez de futebol ofensivo por parte do Moreirense nos primeiros 45 minutos, nada fazia prever o lance que abriu a segunda parte. Recuperação de bola de Iuri Medeiros, tabela com Cardozo e o extremo português, à entrada da área, rematou fora do alcance de Casillas.

Estava feito o empate, o FC Porto sentiu o golo e sentiu algumas dificuldades para se acercar com perigo da área do Moreirense, sendo que Osvaldo (60, 65 e 72) não conseguiu dar a melhor sequência a três jogadas construídas por Corona.

O extremo mexicano também teve nos pés uma grande oportunidade para voltar a dar vantagem aos dragões, mas permitiu a defesa de Stefanovic. Um aviso daquilo que viria a acontecer aos 79 minutos, altura em que Corona deu nova vantagem aos dragões, após um bom trabalho na grande área.

Pensava-se que o jogo estava decidido, mas a equipa de Miguel Leal não desistiu. Primeiro foi Luís Carlos que, acabado de entrar, podia ter marcado, mas Iker Casillas respondeu com uma grande defesa.

Pouco depois, cruzamento de Sagna na direita e André Fontes, oportuno, surgiu a cabecear para voltar a empatar a partida e estabelecer o resultado final.

Com este resultado, o Moreirense continua sem vencer, mas soma o segundo ponto na Liga, enquanto o FC Porto pode ver fugir o Sporting na liderança. [FM]