Ferroviário da Beira por um a zero (1x0), mas continua firme no Topo da classificação." /> Folha de Maputo - Notícias - Desporto - Líder "escorrega" no Caldeirão do Chiveve

Desporto

Líder "escorrega" no Caldeirão do Chiveve

2018-10-08 12:49:18 (UTC+01:00)

A União Desportiva do Songo, líder isolado do Moçambola, "escorregou" ontem no Caldeirão do Chiveve, ao ser derrotado pelo Ferroviário da Beira por um a zero (1x0), mas continua firme no Topo da classificação.

MAPUTO- Apesar da derrota os hidroélectricos que jogavam com os ouviudos em Nacala, onde o seu mais directo perseguidor, Ferroviário de Maputo defrontou o seu homónimo local, e empatou sem abertura de contagem (0x0), foram os grandes vencedores da jornada porque apenas perderam um ponto para o segundo classificado.

Na trincheira de Chibuto, os guerreiros de Gaza "abateram" sem piedade os leões do norte por seis bolas sem concorrência (6x0), o resultado mais vulmoso da ronda.

Quem também teve uma tarde de grande inspiração foi a ENH de Vilankulo que recebeu e goleou a UP de Manica por quatro bolas sem resposta (4x0), triunfo que poderá ter garantido a manutenção dos hidrocarbonéticos na prova máxima do futebol nacional e complicou a situação dos estudantes.

Num jogo bastante equilibrado com alguma polémica a mistura devido a actuação da equipa de arbitragem que foi bastante contestada pelos visitantes, Textáfrica de Chimoio e Costa do Sol, empataram sem abertura de contagem (0x0) na Soalpo.

Na abertura da ronda, o Maxaquene que procurava se recompor do afastamento da Taça de Moçambique consentiu um empate a uma bola (1x1) diante do Incomáti de Xinavane. Os açucareiros ainda estão na luta pela manutenção e vão procurar nas jornadas que restam conquistar os pontos necessários para se manterem vivos no Moçambola.

Ainda na tarde de Sábado, no santuario do 25 de Junho, o Ferroviário de Nampula ao vencer por duas bolas a uma (2x1) acabou com todos os sonhos da Liga Desportiva de Maputo, de ainda chegar ao título pois a matemática permitia sonhar.

O 1º de Maio de Quelimane recebeu e venceu o Desportivo de Nacala por um a zero (1x0), e continua a sonhar com a permanencia na maior prova futebolística do país.

O Moçambola vai observar uma paragem de uma semana, para dar lugar aos trabalhos da selecção nacional de futebol, que vai defrontar a Namíbia no próximo sábado.







Foto: Jornal Desafio