Internacional

CMA assinará acordo para a paz e reconciliação no Mali

2015-06-09 05:35:00 (UTC+01:00)

A Coordenação dos Movimentos de Azawad (CMA), que integra os principais grupos rebeldes do norte do Mali, assinará no próximo dia 20 o acordo para a paz e reconciliação no país, anunciou semana passada o líder daquela federação.

“Assinaremos o acordo de paz a 20 de Junho (corrente) ”, declarou, à agência France Presse, Bilal Ag Acherif, o principal negociador da rebelião de dominância tuaregue, no final de um encontro em Argel com os mediadores internacionais, conduzidos pela Argélia, sobre medidas de segurança.

A assinatura pela CMA do acordo de paz realizar-se-á em Bamako.

O acordo para a paz e reconciliação no Mali foi assinado a 15 de Maio último em Bamako pelo governo maliano, mas os rebeldes tuaregues recusaram assinar o texto final, exigindo negociações adicionais.

O acordo visa estabelecer uma paz duradoura no norte do Mali, que no final do primeiro trimestre de 2012 ficou sob controlo de grupos “jihadistas” ligados à Al-Qaeda depois do exército ter sido derrotado pela rebelião tuaregue. Os tuaregues aliaram-se numa primeira fase aos “jihadistas” que depois os afastaram.

Os “jihadistas” foram parcialmente expulsos da zona por uma operação militar internacional lançada em Janeiro de 2013 e ainda em curso, mas continuam a existir zonas no norte do Mali que escapam ao controlo do poder central. [FM]