Internacional

Estado Islâmico mata aliado Bashar al-Assad

2015-10-09 12:21:08 (UTC+01:00)

Foi morto nesta quinta-feira um general iraniano, conselheiro do presidente da Síria pelo grupo extremista Estado Islâmico na região síria de Alepo.

MAPUTO- Os Guardas da Revolução do Irão revelarão que Hossein Hamedani, um dos generais daquela força de elite iraniana, morreu numa missão de apoio na região de Alepo, onde o grupo extremista Estado Islâmico se posicionou esta madrugada.

Para o grupo extremista, a morte de Hamedani é a mais importante baixa entre as forças aliadas do presidente Bashar al-Assad desde que começou o conflito, em Março de 2011.

Segundo consta no Noticias ao Minuto, o Irão é considerado um dos principais aliados da Síria e tem enviado para o país vários conselheiros e militares, no apoio ao exército nacional.

De acordo com (OSDH), o EI nunca esteve tão próximo da cidade de Alepo, que está dividida entre os sectores Oeste, nas mãos do regime, e Este, controlado pelos rebeldes. [RM]