Internacional

Líder de um partido da oposição morto a tiro em Bujumbura

2015-05-25 06:42:02 (UTC+01:00)

Um líder de um partido da oposição no Burundi foi morto no sábado, em Bujumbura. Este assassinato travou as negociações, ainda na fase preliminar, entre o Governo e o movimento de contestação contra o terceiro mandato do Presidente Pierre Nkurunziza.

Zedi Feruzi, presidente da União para a Paz e a Democracia (UPD), foi morto juntamente com o seu guarda-costas por desconhecidos junto à sua residência em Ngagara, um bairro da capital Bujumbura, palco de diversos protestos e confrontos contra a decisão do Presidente Pierre Nkuzunziza de disputar 3º mandato.

Feruzi cujo funeral se realizou ontem num cortejo que reuniu entre dois a três mil pessoas de acordo com a AFP foi vítima de vários disparos, um deles na cabeça.

Semana passada, Feruzi, um dos líderes activos do movimento de contestação ao possível terceiro mandato do presidente, convocara à união dos burundeses para a retirada da candidatura de Nkurunziza às eleições presidenciais previstas para 26 de Junho próximo.

Perto de 25 pessoas foram mortas em quase um mês de protestos para impedir um terceiro mandato de Nkrurunzina. [FM]