Internacional

Líder do Estado Islâmico terá escapado a "golpe de estado" no grupo

2019-02-08 06:55:30 (UTC+00:00)

O líder do autoproclamado Estado Islâmico (ISIS) terá sobrevivido a uma tentativa de usurpação de poder no seio do grupo terrorista. O episódio terá ocorrido no mês passado, segundo o Notícias ao Minuto.

Abu Bakr al-Baghdadi é um dos homens mais procurados do mundo. Foi ele que, em junho de 2014, foi escolhido para liderar o suposto califado que o grupo terrorista criou.

Ao longo dos últimos anos, poucas imagens suas foram divulgadas, embora tenha sido sempre claro que ele era a figura que liderava o grupo jihadista. Chegou a ser avançada a sua morte, algo que depois não se comprovou.

O ISIS chegou a controlar vastas partes do território do norte do Iraque e da Síria. Nos últimos anos o grupo tem sofrido diversas perdas e recuado.

Nesta fase, os extremistas encontram-se encurralados pelas Forças Democráticas Sírias (SDF) no leste da Síria, controlando menos de 1% do território do califado.

A tentativa de 'golpe de estado' no seio do grupo terá sido levada a cabo por estrangeiros que se juntaram aos militantes extremistas na Síria. Entre eles estariam algumas figuras muito próximas de Abu Bakr al-Baghdadi.

Terão havido confrontos, com Abu Bakr al-Baghdadi a escapar a tempo, segundo revela o jornal britânico. Entretanto, o Estado Islâmico colocou a prémio a cabeça de um dos golpistas.