Internacional

Militares norte-americanos ficam na Síria para derrotar Estado Islâmico

2018-01-18 11:42:16 (UTC+00:00)

O exército dos Estados Unidos da América vai continuar na Síria até que o Estado Islâmico seja derrotado, mas também para ajudar a expulsar Bashar al-Assad do poder.

A informação foi divulgada esta quinta-feira por Rex Tillerson, o secretário de Estado norte-americano, que disse:

"É crucial para o nosso interesse nacional manter uma presença militar e diplomática na Síria", afirmou durante um discurso sobre o Médio Oriente, no Estado da Califórnia.

Esta missão vai continuar a ter como principal objectivo que o grupo extremista "não reapareça".