Internacional

Ofensiva francesa contra EI mata mais de 130 pessoas na Síria

2015-11-16 10:19:36 (UTC+00:00)

O ministro da Defesa francês, Jean-Yves Le Drian, revelou que os 20 bombardeamentos perpetrados contra as posições do Estado Islâmico em Raqqa, na Síria, provocaram a morte a mais de 130 pessoas, noticia a agência France-Presse.

"Esta operação foi conduzida em coordenação com as forças norte-americanas", lê-se no comunicado publicado.

De referir que os ataques aéreos destruíram um centro de controlo e de comando, um centro de recrutamento jihadista, um campo de treino e um depósito de munições do grupo radical sunita.

Recorde-se que a ofensiva em solo sírio acontece dois dias após a perpetração de atentados em Paris, capital de França, que causou a morte a 132 pessoas. [FM]