Internacional

Putin a favor de uma coligação antiterrorista

2015-11-17 12:24:02 (UTC+00:00)

O Presidente russo, Vladimir Putin, considera que os ataques terroristas em França, que mataram 132 pessoas, demonstram que Moscovo estava certa quanto à criação de uma coligação antiterrorista internacional.

"É indispensável (formar uma coligação antiterrorista internacional), falei disso na sessão da ONU dedicada aos 70 anos da organização. Falei exatamente disso, e os trágicos acontecimentos que se seguiram confirmaram que tínhamos razão", declarou o político russo, no final da cimeira dos líderes do G20 (20 maiores economias mundiais, em Antalya, na Turquia.

Por outro lado, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defende que é "um erro" enviar grandes quantidades de tropas para a Síria para tentar derrubar o grupo Estado Islâmico (EI).

"É isso que penso, tal como os meus assessores militares e civis. A estratégia deve ser uma que seja sustentável", Obama, sublinhando que a política adotada contra o Ei não será alterada.[FM]