Nacional

Anarquia na Marginal

2015-07-12 13:57:55 (UTC+01:00)

Os trabalhadores da obra da Avenida da Marginal tomaram conta e decidem como entendem fechar estrada sem absolutamente nenhuma coordenação com a polícia.

Maputo- Usam bidons e fitas irregulares, fecham á hora que entendem e são os cidadãos que reabrem por iniciativa própria.

Fontes da Policia informaram a Folha que os "chineses" não querem pagar á policia a empresa Maputo Sul diz que não consegue impor a ordem. E assim assistem-se a acidentes (alguns com alguma gravidade em especial material) e á desordem que todos os que usam essa via testemunham.

Mais do que os incómodos que provocam estas paragens "ad-hoc" este generalizado estado em que cada um faz o que quer só poderá ser travado se as autoridades que tem de cumprir o seu papel de zelar pela ordem pública estiverem presentes e restabelecer a ordem.

Devem lá estar, impor sinalização correcta, ajudar no trânsito e garantir que cada um dos intervenientes o faz de acordo com as normas.

Os contactos com a polícia, Policia Municipal e Maputo Sul ainda não foram muito frutíferos. Quem sabe outros podem construtivamente ajudar.