Nacional

Cidadão detido por tentar vender seu filho albino

2015-09-03 10:13:32 (UTC+01:00)

A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve um cidadão na praia de Bilene, em Gaza, por tentativa de tráfico do seu próprio filho portador de albinismo.

MAPUTO - O referido indivíduo, começou por fazer desaparecer o menor, de dez anos, mantendo-o num esconderijo, à espera de possíveis compradores.

Dias depois, o indiciado foi ao posto policial de Praia de Bilene, para, alegadamente alertar a polícia sobre o desaparecimento do filho.

O Porta-voz da Polícia, em Gaza, Jeremias Langa, disse citado pela Rádio Moçambique, que um trabalho de investigação culminou com a localização do menor, e este revelou ter sido o próprio pai a levá-lo a esse esconderijo.

A propósito do assunto, o governo moçambicano acaba de criar, esta terça-feira, uma comissão multi-sectorial para propor medidas de contenção dos actos criminais praticados contra pessoas portadoras de albinismo e de protecção a esta camada social.

A decisão foi tomada em Maputo, na Trigésima Sessão do Conselho de Ministros.

O porta-voz do Conselho de Ministros, Mouzinho Saíde, disse que a comissão será liderada pelo Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos.

A província de Nampula lidera a lista de casos criminais contra pessoas portadoras de albinismo, com oito casos de ofensas corporais e dois assassinatos.[OD]