Nacional

Cidália Chauque: Mendicidade não resolve problemas de pessoas vulneráveis

2015-10-08 08:02:00 (UTC+01:00)

No universo de cerca de 3 milhões de pessoas na situação de vulnerabilidade, no país, apenas 15 por cento beneficia de assistência do governo.

MAPUTO-Fazem parte desse universo, pessoas com deficiência, doentes crónicos, crianças e idosos desamparados, faz parte da meta estabelecida pelo governo o aumento do número de beneficiários.

De acordo a Televisão de Moçambique Os dados foram pela ministra do género, criança e acção social, Cidália Chauque, que no seu ponto de vista a mendicidade, nos centros urbanos, praticada pelas pessoas carenciadas que não recebem assistência, não resolve o problema.

Para a governanta, a solução passa pela solidariedade familiar, comunitária e pela assistência prestada pelo governo e parceiros através de vários programas sociais que incluem apoio em dinheiro, alimentos, tratamento médico, acolhimento em centros apropriados, e até mesmo em integração nas actividades de geração de rendimento dependendo do grau de vulnerabilidade e da capacidade produtiva de cada pessoa necessitada. [FI]