Nacional

Diarreia faz 388 mortos no país

2015-10-25 06:09:28 (UTC+00:00)

O Ministério da Saúde (MISAU) anunciou que entre os dias 1 de Janeiro a Setembro do ano em curso, as doenças diarreicas mataram um total de 388 pessoas no país.

MAPUTO - Durante igual período foram registados no país um total cumulativo de 568.464 casos e 388 óbitos (taxa de letalidade de 0,07%) contra 524.949 casos e 295 óbitos (taxa de letalidade de 0,06%), em 2014.

Segundo a fonte este aumento no número de óbitos poderá estar relacionado com a desnutrição ou a diarreias por imunodeficiência.

No tocante às crianças menores de 5 anos, em 2015 registaram-se um total cumulativo de 285.869 casos e 172 óbitos (taxa de letalidade de 0,06%), contra 271.034 casos e 159 óbitos (taxa de letalidade de 0,06%) em 2014, representando uma redução quer no número de casos e um aumento no número de óbitos (8.2%).

As províncias de Tete, Cabo Delgado, Niassa, Zambézia, Nampula, e Sofala, Gaza e Maputo têm registado um aumento do número de casos de diarreia.

Segundo o MISAU foram confirmados alguns casos de cólera na província de Nampula (Cidade de Nampula e Distrito de Malema) e a Província de Niassa (distritos de Cuamba, Mecanhelas e Lago).

Entretanto, segundo as novas normas e procedimentos para declaração de surto elaboradas de acordo com as orientações da Organização Mundial de Saúde, estes casos esporádicos de cólera são insuficientes para a declaração de epidemia nestas províncias.[OD]