Nacional

Estudantes viciam-se em fotocopiar manuais

2015-08-14 16:24:44 (UTC+01:00)

Virou “moda” entre os estudantes de vários níveis trocar a compra dos manuais pela fotocópia dos mesmos.

Esta prática é justificada pelos formandos como uma forma menos dispendiosa de ter as matérias para os seus estudos.

Em conversa com Elias Mavie e Maura, dois estudantes do ensino médio e superior respectivamente, ficamos a saber que ambos não possuem o hábito “saudável” de comprar manuais, salvo se, o docente impuser como condição, a aquisição de um determinado livro para a sua participação em actividades de estudo.

Elias Mavie é estudante do terceiro ano de contabilidade no Instituto Comercial de Maputo, o jovem afirma que durante o seu tempo de escola teve a necessidade de comprar um manual apenas uma vez.

“Na instituição de ensino onde faço parte não compramos os manuais mas fotocopiamos parte dos mesmos consoante as nossas necessidades”, disse Elias Mavie.

Nota-se no seio dos docentes assim como dos próprios estudantes a banalização das obras assim como dos seus escritores.

A estudante de Direito Maura, afirma que, com o avanço tecnológico prefere descarregar os manuais da internet, para efectuar os seus estudos. [FI]