Nacional

Gupwanana preocupada com casos de violação dos direitos dos idosos

2015-10-26 10:03:54 (UTC+00:00)

Uma associação de médicos tradicionais, denominada Gupwanana, da província de Inhambane, mostra-se preocupada com o crescente número de violação dos direitos da pessoa idosa, naquela parcela do país.

MAPUTO- De acordo com a agremiação baseada na cidade da Maxixe, muitos idosos em particular de sexo feminino, estão a ser discriminados, violentados, expulsos das suas famílias e até mortos sob acusação de feitiçaria.

A Presidente desta associação, Rute Samuel, citada pela Radio Moçambique, disse ser um fenómeno cujo combate passa pela mudança de mentalidade por parte dos cidadãos pois, na sua maioria, os que violam os direitos dos idosos são os próprios familiares.

Entretanto, a Presidente da associação Gupwanana advertiu que os curandeiros que fomentam intrigas nas famílias, devem ser denunciados. [FI]