Nacional

Líder da AMETRAMO espancado por populares

2015-10-05 11:53:46 (UTC+01:00)

Os residentes do bairro de Quissanga, sede distrital de Mossuril, Província de Nampula, espancaram, há dias, na sua residência, Amade Rashid, presidente da Associação dos Médicos Tradicional (AMETRAMO) local.

MAPUTO - O presidente é acusado de ser promotor de maus espíritos que alegadamente se fazem presente naquela comunidade desde o mês passado. Segundo relatos das comunidades, os espíritos fazem massagem e torturam os residentes daquele bairro. Conta-se que tais espíritos são avessos à formação de casais, chegando a atacar um dos cônjuges pela tamanha irritação ao ver pessoas aos pares.

No momento da agressão ao presidente da AMETRAMO, a Polícia da República de Moçambique (PRM) foi chamada a intervir. No local disparou alguns tiros para o ar, de forma a dispersar os indivíduos irados.

Mais tarde levou a vítima ao posto de saúde local para receber cuidados médicos.

Na sequência, a população ainda inconformada, dirigiu-se também ao posto de saúde onde ficou amotinada exigindo a cabeça do presidente. Para amainar os ânimos da comunidade, foi chamado o régulo local, Evan Negocio, que pediu calma e aconselhou ainda que se fizesse uma investigação profunda de forma a descobrir o que está por de trás deste fenómeno.

Na ocasião, a polícia deteve cinco pessoas acusadas de serem os mentores da violência e, até ao momento, encontram-se encarceradas no posto policial da sede distrital.[OD]