Nacional

Mais um impasse no diálogo político

2015-05-05 07:29:45 (UTC+01:00)

O diálogo político que decorre há mais de dois anos entre o governo e a Renamo mais uma vez “encravou” hoje devido a divergências entre as partes.

O diálogo político que decorre há mais de dois anos entre o governo e a Renamo mais uma vez “encravou” hoje devido a divergências entre as partes.

Depois de na semana passada as partes não se terem reunido, por razões não tornadas publicas, na ronda 103, em Maputo, as duas delegações, mais uma vez, não trouxeram nada de novo esta terça-feira.

Na mesa do diálogo, as partes discutem assuntos relacionados com a despartidarização do aparelho do estado, bem como o relatório dos confrontos entre as forças residuais da Renamo e uma posição das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) no distrito de Guija, na província de Gaza, sul de Moçambique.

Sobre a despartidarização do aparelho do estado, a Renamo ainda insiste que altos dirigentes do aparelho do Estado não devem exercer actividades político-partidárias durante o período laboral e que estes, sendo sócios de empresas privadas, devem ser excluídos de participar em concursos públicos de aquisição de bens e serviços do Estado.

Enquanto isso, o governo entende que estes podem participar em concursos públicos, bastando que não interfiram nas decisões de escolha da empresa vencedora.
www.folhademaputo.co.mz
MCM