Nacional

MP pede condenação de Castel-Branco e Fernando Mbanze

2015-09-01 06:17:13 (UTC+01:00)

O Ministério Público pediu, ontem, a pena máxima, de dois anos de prisão, para um jornalista e um professor universitário, acusados de "abuso de liberdade de imprensa" e "crime contra a segurança do Estado".

MAPUTO- A pena solicitada pelo Ministério Público foi conhecida durante as alegações finais do julgamento, que decorre no Tribunal Judicial do Distrito de Kampfumo. Por seu turno, os advogados de defesa João Trindade e Augusto Bastos pediram a absolvição dos réus.

Em causa está um post na rede social Facebook, publicado pelo professor universitário Castel-Branco, onde são lançadas críticas à gestão do antigo presidente Armando Guebuza.

O jornalista Fernando Mbanze senta-se no banco dos réus por ter republicado o artigo no Media Fax. [FM]