Nacional

Nelson Ocuane condena conduta dos seus irmãos envolvidos em raptos

2015-06-23 11:14:24 (UTC+01:00)

O Presidente do Conselho de Administração da Empresa Nacional de Hidrocarbonetos (ENH, Nelson Ocuane, condena o envolvimento dos seus irmãos em crimes de raptos.

MAPUTO - De acordo com um comunicado na posse da FOLHA DE MAPUTO, Nelson Ocuane, PCA da ENH, informa que tomou conhecimento de que sábado um dos seus irmãos, Francisco Ocuane, foi morto pela policia (PRM), quando se resgatava do cativeiro, um cidadão de origem indiana que tinha sido raptado na semana passada e outro irmão, Arsénio Ocuane, agora sob custódia das autoridades.

Nelson em nome da família Ocuane lamenta o sucedido e sublinha que “este não é o comportamento adquirido pelos ensinamentos dos progenitores e distanciam-se de todos os actos macabros cometidos pelos irmãos.

A família Ocuane endereçam às vitimas de sequestro sua solidariedade humana pelos sofrimentos causados pelos seus irmãos. “A justiça deve ser feita pelas condutas praticadas pelos seus irmãos e que não dignificam a qualidade de ser humanos, em nome da e a imagem publica de toda família Ocuane” , frisa o representante da família