Nacional

“O combatente não deve seguir discursos de desestabilização” Lambo

2015-08-28 05:33:10 (UTC+01:00)

O Ministro dos Combatentes Eusébio Lambo exorta os combatentes da luta de libertação nacional, para tomarem a dianteira na disseminação de mensagens de preservação da paz.

MAPUTO- Eusébio Lambo que falava, ontem, em Inhambane, afirmou que os libertadores da pátria devem transmitir o sentimento de que o país não pode retornar à guerra e nem deve ser dividido.

“O combatente deve ser intransigente, não deve ser desviado, nem deve seguir discursos de desestabilização”, disse.

O Ministro dos Combatentes sublinhou que um combatente apenas deve cumprir o seu espírito patriótico daquilo que lhe fez, na defesa da pátria e fazer valer a palavra de ordem que é a paz.

Eusébio Lambo que condena as declarações do líder da Renamo de ameaçar desestabilizar o país e tomar o poder a força, vincou que um combatente só dignifica os moçambicanos quando está na vanguarda da paz e da unidade nacional. [FM]