Nacional

PR afirma ser incapaz de violar a Lei-Mãe para satisfazer a Renamo

2015-09-30 09:01:49 (UTC+01:00)

O Presidente da República, Filipe Nyusi, disse ontem, na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, ser incapaz de violar a Lei-Mae sem o consentimento do povo apenas para satisfazer as exigências da Renamo.

MAPUTO-O PR que discursava numa palestra na qual foi convidado para falar sobre o “Desenvolvimento do capital humano” e classificou de inconstitucionais as exigências do líder da Renamo, Afonso Dhlakama, justificando assim a prevalência da actual tensão política no país.

Nyusi disse que o grande factor gerador de impasses prende-se com a inconstitucionalidade das exigências de Dhlakama, dado que não pode violar a Lei-Mãe sem o consentimento do “povo”, uma vez que jurou fidelidade à Constituição.

“Já estive com o presidente da Renamo, mas o que ele quer está acima da lei. Jurei respeitar a constituição, por isso, não posso permitir que a Constituição seja violada, senão com consentimento de todo o povo moçambicano” disse, respondendo a algumas questões levantadas pelos estudantes sobre a tensão político-militar prevalecente no país. [FI]