Nacional

Nyusi e António Costa falam do terrorismo em Cabo Delgado

2020-11-25 05:35:39 (UTC+00:00)

O Presidente da República, Filipe Nyusi, manteve ontem uma conversa telefónica com o primeiro-ministro de Portugal, António Costa, e abordaram assuntos relacionados com a pandemia da covid-19 e do terrorismo em Cabo Delgado.

MAPUTO- Durante a conversa, segundo escreve o Jornal O País os dois chefes de governo partilharam assuntos de interesse comum dos respectivos países, para além da avaliação das relações de cooperação bilateral.

Sobre a covid-19, o primeiro-ministro português encorajou o Presidente Nyusi a continuar com a gestão das medidas preventivas assinaláveis, ora em curso no país. Na ocasião, Moçambique solicitou o apadrinhamento de Portugal na aquisição da vacina de prevenção desta pandemia, logo que estiver disponível, segundo uma nota da Presidência da República.

De acordo com a fonte acima citada, quanto ao combate ao terrorismo, o Presidente da República actualizou ao governante português sobre a forma de actuação dos terroristas, tendo agradecido a solidariedade manifestada por Portugal em todas as fases, incluindo dentro do Parlamento Europeu.

"O Chefe do Estado moçambicano agradeceu em especial a última carta do Presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, que se solidariza com os moçambicanos face aos últimos ataques dos terroristas no distrito de Muidumbe".

O comunicado citado pelo Jornal O País, diz ainda que o primeiro-ministro português colocou o seu país à disposição para apoiar Moçambique na luta contra a violência armada, quer no âmbito da União Europeia assim como na cooperação bilateral.

"Os dois chefes de governo acordaram para a precisão do tipo de apoio a prestar, tendo em conta os acordos bilaterais em curso", diz a nota.