Nacional

Reserva Especial do Niassa sem abate de elefantes pelo segundo ano consecutivo

2020-05-25 13:13:53 (UTC+01:00)

A Reserva Especial do Niassa registou o seu segundo ano consecutivo, sem o abate de elefantes por caçadores furtivos.

MAPUTO- O marco foi alcançado, este domingo, 24 de Maio, de acordo com um Comunicado da Administração Nacional das Áreas de Conservações que, hoje, celebra, 9 anos da sua criação.

A propósito, a ANAC lembra que a celebração ocorre numa altura em que, à escala mundial, a humanidade está sob ameaça da pandemia da COVID-19 e do risco de extinção de espécies de flora e fauna devido ao uso excessivo, aquecimento global e perda dos seus habitats naturais.

As áreas de conservação em Moçambique ocupam cerca de 25 por cento do território nacional e a sua rede é formada por 9 parques nacionais, 4 reservas, duas áreas de protecção ambiental, cerca de 50 fazendas de bravio e de 40 coutadas oficiais, para além de três áreas de conservação comunitária.