Nacional

Restabelecida ligação rodoviária com as regiões centro e norte de Cabo Delgado

2020-02-24 06:52:49 (UTC+00:00)

Está restabelecida, desde o último sábado, a ligação rodoviária com as regiões centro e norte da província de Cabo Delgado, que estava interrompida há cerca de três meses na sequência do desabamento da ponte sobre o rio Montepuez.

MAPUTO- O corte da ligação rodoviária colocava nove distritos numa situação de isolamento, nomeadamente Meluco, Macomia, Quissanga, Ibo, Mueda, Muidumbe, Nangade, Mocímboa da Praia e Palma.

O restabelecimento do trânsito foi testemunhado pelo Ministro da Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, João Machatine, que durante cerca de três semanas ficou baseado em Cabo Delgado, por orientação do Chefe do Estado, para acompanhar de perto os trabalhos no terreno.

Segundo o ministro, com a ligação rodoviária reposta, está assegurado o trânsito entre o sul e norte de Cabo Delgado. Explicou que se trata de uma solução imediata que vai facilitar a intervenção na outra ponte, sobre o rio Messalo, no distrito de Muidumbe, que recentemente também registou um corte.

“Na ponte sobre o rio Messalo, os trabalhos estão neste momento a cerca de 80 por cento. A colocação da ponte metálica no desvio já iniciou e,se não houver imprevistos, acreditamos que dentro desta semana a ligação rodoviária naquela secção também será restabelecida”, explicou o ministro.

Na ocasião, João Machatine disse que a solução definitiva para a ponte sobre o rio Montepuez poderá ser encontrada ainda este ano.

“Neste momento estão a decorrer os trabalhos de prospeção geológica no terreno para se apurar o tipo de fundações a serem colocadas. Em termos de prazos, Abril é o mês do arranque das obras”, disse.

O ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos disse ainda que o processo de licitação para a empreitada está em curso, sendo que os custos da infra-estrutura estão orçados entre 12 e13 milhões de dólares.

“Como disse, neste momento estamos a fazer intervenções de emergência, enquanto não acontecem soluções duradouras”, sublinhou.

Sobre o desvio na ponte desabada sobre o rio Montepuez, Machatine explicou que há limitantes, esclarecendo que viaturas com mais de 15 toneladas de peso não podem transitar, alegadamente porque a plataforma colocada não pode suportar além do recomendado.

Acrescentou que a plataforma da infra-estrutura é híbrida,com secções mistas de pontes metálicas, aquedutos, pedregulhos armados em altura relativamente baixa, o que vai permitir que as águas galguem a ponte, em caso de subida do caudal, tendo em conta que as chuvas continuam a cair nesta época do ano.

O ministro referiu que o restabelecimento do trânsito rodoviário permitindo a ligação do sul e norte de Cabo Delgado vai aliviar o custo de vida,que nos últimos três meses disparou, já que os preços dos produtos de primeira necessidade foram agravados pelos comerciantes, que justificam dificuldades para transportá-los para os locais onde a população deles necessita.









Fonte:Jornal Notícias