Vida e Lazer

Enfermeira semi-nua usa bata transparente

2020-05-22 09:45:38 (UTC+01:00)

Uma enfermeira russa foi despedida do hospital em Tula, na Rússia, depois de ter estado a trabalhar vestida apenas com cuecas e soutien por baixo de uma bata transparente.

A profissional, cuja identidade não é revelada, terá dito aos seus superiores que estava demasiado calor para vestir roupa por baixo da bata de proteção.

Embora não haja registo de queixas por parte dos doentes, os responsáveis da unidade hospitalar decidiram punir a enfermeira. Já esta alega que nunca percebeu que a bata mostrava o pouco que tinha vestido.

O ministério regional da saúde confirmou que "foi aplicada uma sanção disciplinar à enfermeira do departamento de doenças infecciosas que violou os requisitos (fardas)", informa o The Sun. No entanto, estes não especificaram qual foi a sanção aplicada.