Vida e Lazer

Funcionário de funerária despedido por tirar foto com corpo de Maradona

2020-11-28 04:53:51 (UTC+00:00)

Um funcionário de uma agência funerária responsável pelas cerimónias fúnebres de Diego Maradona foi despedido depois de ter partilhado fotografais suas ao lado do corpo do antigo craque argentino.

Diego Molina, que foi visto a transportar o caixão de Maradona momentos antes da polémica, provocou a ira junto dos fãs do jogador.

O homem, que era uma das pessoas responsáveis por preparar o corpo de Diego Maradona para as cerimónias fúnebres, que se realizaram ao longo do dia de ontem, aproveitou-se do seu cargo para tirar fotos junto ao corpo do antigo jogador argentino, colocando uma das mãos na sua cabeça e outra levantando o polegar, como que dizendo 'fixe', imagens essas que viria a partilhar e que circularam amplamente nas redes sociais.

Centenas de fãs criticaram fortemente a atitude de Molina. Depois de ser despedido, há quem diga mesmo que este, muito provavelmente, terá de sair do país, dada a forma como muitos dos que prestaram homenagem a Maradona se sentiram ofendidos com o seu gesto.

Recorde-se que, depois de ter estado no palácio presidencial em câmara ardente, o corpo do antigo craque foi escoltado por centenas de motos e carros até ao cemitério onde encontra a sua morada final.