Vida e Lazer

Honwana: A independência está tão desvalorizada

2015-08-21 13:10:35 (UTC+01:00)

O escritor moçambicano Luís Bernardo Honwana, criticou a desvalorização da história sobre a libertação do país, por parte dos literatas moçambicanos.

MAPUTO - De acordo com O País, o dono da obra “Nos matámos o cão tinhoso”, falando durante mais uma sessão do ciclo de palestras que acontecem na Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO), criticou a falta de divulgação da nossa história, com o destaque a independência moçambicana, que “parece ser um episódio menor e casual”.

“Neste país onde a história ajuda, onde temos o tal ‘mito fundador’, a independência está tão desvalorizada que aqueles que participaram para a sua construção às vezes se envergonham de reivindicar a tal participação”, lamentou.

Homwana contextou ainda, a fuga dos escritores moçambicanos em relação ao elemento fundador da nação moçambicana.[EL]