Vida e Lazer

Juiz iliba dois homens de violação porque vítima não era atraente

2019-03-14 08:32:55 (UTC+00:00)

Dois homens foram ilibados do crime de violação depois de o juiz ter concordado que a suposta vítima era demasiado "masculina" para ser alvo de desejo sexual.

Os dois homens, de 22 anos, foram absolvidos em 2017, mas o motivo apenas se tornou público na passada semana, conta o Daily Mail. A decisão levou dezenas de pessoas para a rua em protesto.

O juiz alegou que os acusados achavam a vítima pouco atraente e tinham o número de telefone da mesma guardado com o nome 'Viking', para fazer alusão à sua masculinidade.

A mulher terá acusado os dois homens em 2015, alegando que um deles a violou enquanto o outro ficou a ver, depois de terem colocado drogas na sua bebida. Viria a confirmar-se que havia vestígios de estupefacientes no organismo da jovem, mas o juiz considerou que não se poderia excluir a hipótese de ser a própria vítima organizar a "exuberante" festa em que se encontrava.

O caso insólito aconteceu num tribunal em Ancona, em Itália.