Vida e Lazer

Mulher mantém cadáver da mãe em casa para receber pensão

2015-11-09 12:32:48 (UTC+00:00)

Em sua defesa, a infratora alega que quando a idosa morreu não tinha dinheiro para enterrá-la e acabou por deixar o tempo passar.

A mulher, uma norte-americana recebeu 575 mil meticais em cheques dos serviços sociais antes de a fraude ser descoberta.

MAPUTO- A norte-americana foi condenada a seis meses de prisão e 500 dias de trabalho comunitário por ter mantido o cadáver da mãe em casa durante 18 meses, para continuar a receber a pensão da progenitora.

O corpo ficou em decomposição durante 18 meses no apartamento de Mary, em Nova Iorque, que nunca contou ao resto da família que a sua mãe, de 93 anos, tinha morrido. [FI]