Desporto

Reinildo triste com ataques em Cabo Delgado

2021-04-14 04:25:15 (UTC+01:00)

O internacional moçambicano Reinildo Mandava foi a figura do programa LOSC TALK transmitido pelo canal do Facebook do Lille da França, no qual desfilam os jogadores do clube que falam da sua história e do desempenho da equipa na Ligue 1.

MAPUTO- Mandava respondeu a algumas questões dos internautas e deixou ficar mensagens aos moçambicanos que estavam a acompanhar o programa.

O lateral esquerdo nascido na cidade da Beira, mostrou-se triste com o actual momento que o país tem atravessado, particularmente na região norte da província de Cabo Delgado que tem sido assolada por ataques protagonizados por insurgentes, causando dor e luto.

“Espero que todo mundo esteja bem desse lado (Moçambique), tirando a situação que se assiste no nosso país, falo dos ataques em Cabo Delgado, é muito triste porque morreram muitas pessoas, crianças, jovens e mulheres, é uma realidade muito triste, juntando a isso a pandemia da COVID-19 que tem afectado ao país”, disse Reinildo Mandava.

O jogador do Lille acredita na capacidade de superação dos moçambicanos afirmando que “o povo é muito forte”, estando esperançado que as suas exibições possam contribuir para a alegria dos seus compatriotas, dizendo que “o povo moçambicano é muito unido e está sempre a acompanhar o meu desempenho e espero que continuem assim”.

E justamente devido a situação da COVID-19 que assiste tanto em Moçambique, assim como na França, Reinildo não esteve presente nos dois últimos dois jogos de qualificação ao CAN-2021, nos quais os Mambas perderam e consequentemente falharam o apuramento à fase final da prova, facto que deixou triste ao jogador.

“Algumas coisas não correram bem, em relação aos objectivos da selecção, mormente a qualificação ao CAN, por isso fico com um sentimento de tristeza porque é algo que nós queríamos desde o primeiro jogo”, lamentou o jogador do LOSC.

O internacional moçambicano pediu que os seus compatriotas continuem a depositar o seu apoio em si para um bom desempenho na equipa onde tem sido referência na manobra defensiva e titular o que tem lhe valido nomeações para o 11 da semana, bem como é finalista do prémio Marc-Vivien Foé, atribuído ao melhor jogador africano a evoluir por terras francesas.

“Que continuem a ajudar-me, dando suporte mesmo que seja de longe, para continuar a trabalhar e dignificar a bandeira do nosso país”, pediu Reinildo.

Durante o LOSC Talk Reinildo Mandava demonstrou estar a melhorar o domínio da língua francesa, facto que tem contribuído para a sua prestação na equipa do Lille que lidera a Liga Franceca com 69 pontos, mais três que os Paris Saint Germain.




Texto:LanceMZ