Nacional

Autoridades Migratórias frustram tentativa de tráfico de seres humanos em Maputo

2022-06-27 07:41:18 (UTC+01:00)

Autoridades Migratórias frustram tentativa de tráfico de seres humanos no bairro Matola D, municipio da Matola, na província de Maputo.

Em conexão com o caso estão retidos dez cidadãos estrangeiros, entre os quais quatro crianças, de nacionalidade malawiana, congolesa, e angolana, que supostamente estariam na rota do tráfico da África do Sul para Moçambique.

Segundo a RM, os imigrantes teriam entrado no país, violando a linha de fronteira de Ressano Garcia, conduzidos por uma cidadã angolana que se supõe que seja cabecilha do grupo, que lidera o tráfico de pessoas, residente no município da Matola.

A nossa reportagem conversou com a referida orquestradora da rede de tráfico de seres humanos, que alega que a sua deslocação para o país, deve-se a procura de melhores condições de vida.

O Porta-voz dos Serviços de Migração em Maputo, explica que os passaportes dos cidadãos retidos não apresentam nenhuma indicação de terem entrado no país através do posto fronteiriço de Ressano Garcia.

Juca Bata avança que já foi constituída uma brigada multissectorial para aferir a veracidade da possível tentativa de tráfico de seres humanos.