Nacional

MISAU lança plano para combater malária e fortalecer saúde pública

2024-04-12 13:05:46 (UTC+01:00)

O Ministério da Saúde (MISAU) anunciou, ontem, um plano para reduzir pela metade a mortalidade hospitalar por malária até 2026 e eliminar a transmissão local da doença em 20 distritos até 2030.

Com um investimento do Fundo Global de Saúde, de 789,3 milhões de dólares, o país está determinado a enfrentar a malária, o HIV, a tuberculose e fortalecer seus sistemas de saúde, refere o MISAU

Segundo o relatório apresentado pelo MISAU, a maior parte do financiamento, cerca de 190,3 milhões de dólares, será direcionada para a luta contra a malária, com foco na gestão de casos.

MISAU pretende, também, reduzir a incidência da doença, de 392 casos por 1.000 em 2022 para 294 casos por 1.000 até 2026.

“A meta é diminuir a mortalidade hospitalar por malária de 1,4 por 100 mil em 2021 para 0,77 por 100 mil até 2026. Além da malária, do HIV/Sida e da tuberculose, uma parte do dinheiro será destinado ao fortalecimento dos sistemas de saúde em Moçambique. Isso inclui investimentos em laboratórios, cadeia logística de medicamentos, recursos humanos para saúde e operacionalização de estratégias comunitárias de saúde” referiu MISAU