Nacional

Moçambique regista rápido crescimento populacional

2024-07-10 10:28:42 (UTC+01:00)

O país regista um rápido crescimento populacional, numa altura em que só 34 por cento, dos mais de 33 milhões de habitantes, reside em áreas urbanas.

São dados divulgados, ontem, em Maputo, no seminário da Semana de Intercâmbio sobre o Direito à Cidade, promovido pela Faculdade de Direito da Universidade Eduardo Mondlane.

Pretende-se, com o encontro, divulgar informações sobre a urbanização para melhorar a inclusão social e o acesso aos serviços básicos.

Segundo a directora-adjunta da Faculdade de Direito, Amna Abdala, o evento serve de mecanismo para consciencializar o cidadão e as autoridades sobre a forma estável e segura de habitação.

O seminário sobre Direito à Cidade é organizado em coordenação com a organização não-governamental, Arquitectura Sem Fronteiras, e outros parceiros da Universidade Eduardo Mondlane.

O representante da Arquitectura Sem Fronteiras, Gorca Solane, destacou, no evento, a importância do Direito à Cidade na construção de uma sociedade justa e resiliente.

O Seminário da Semana de Intercâmbio sobre o Direito à Cidade visa, igualmente, reflectir sobre a forma integrada e multissectorial, através da troca de experiências e criação de sinergias com parceiros nacionais e internacionais.