Nacional

Ndambi Guebuza nega envolvimento no caso e não se lembra de nada

2021-08-30 12:41:29 (UTC+01:00)

O arguido Ndambi Guebuza, filho do antigo Presidente da República, Armando Emílio Guebuza, distancia - se de todas as acusações no caso das dívidas ocultas e diz não ter nada a ver com o que foi acusado.

Confrontado pelo Juiz Efigênio Baptista com os emails comprometedores extraídos da sua conta pessoal, Ndambi Guebuza diz não confirmar a recepção e nem envio dos mesmos.

"Eu tenho aqui vários emails do senhor Jean Bustani, do senhor mas o senhor diz que não tem conhecimento de assuntos ligados ao processo, sobre conceitos ligados a infraestruturas do SPV, para o senhor encaminhar ao chefe, como aqui está escrito. Por isso volto a fazer mesma questão: senhor Ndambi esteve envolvido no processo de Protecção da Zona Económica Económica Exclusiva?" questionou o Juiz.

"Não meretissimo, não estive envolvido.", respondeu Ndambi Guebuza, que se recusou a ler os emails " Meretissimo já leu, eu não preciso de ler.", e não confirma ter recebido estes emails. " Não, não, não, não confirmo a recepção dos emails meretissimo. Meretissimo eu recebo muitos emails. Eu já recebi tanta coisa porque eu era parceiro do Bustani.", referiu, sempre de forma breve e sem dar detalhes.

Ndambi diz não ter memória de elefante e não se lembra de quase nada, senão do Bruno. "Eu só conheci o Teófilo na cadeia. Posso ter visto, mas não o conhecia. O Bruno posso confirmar porque é meu amigo."

No entanto, Teófilo Nhangumele confirmou que viajou com Ndambi Guebuza para Alemanha e para Abu Dhabi, onde diz ter ido atrás de oportunidades.