Nacional

Nó de Tchumene concluído em seis meses

2019-05-06 05:14:01 (UTC+01:00)

A construção do encontro entre as estradas Circular de Maputo e a Nacional Número Quatro (EN4) no Tchumene, na província meridional moçambicana de Maputo, decorre a bom ritmo, devendo estar concluída em seis meses.

Os trabalhos estão a ser abordados em duas frentes, estradas e a ponte (estruturas), estando até a semana passada com um grau de execução de 40.2 por cento, de acordo com Basílio Nzunga, um dos responsáveis das obras da “Circular”, ponte Maputo-KaTembe e estradas
de ligação, citado pelo “Notícias on line”.

Após algum tempo de incerteza devido a divergências com a Trans African Concessions (TRAC), a construção do Nó de Tchumene ganhou vigor no arranque do presente ano.

Em Março o nó foi visitado pelo ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, ocasião que serviu para o governante afirmar que a construtora tem até Setembro para entregar o empreendimento.

O fim das obras estava inicialmente previsto para Junho, mas o cronograma actualizado aponta que o encontro, que inclui uma ponte sobre a EN4 e rampas de acesso e saída da “Circular”, só será concluído daqui a cinco meses.

A construção do encontro esteve na origem de divergências entre a Administração Nacional de Estradas (ANE) e a TRAC por questões ligadas ao contrato de concessão que deu origem à EN4 e aspectos técnicos.

Os desentendimentos foram ultrapassados depois de um longo período negocial, o que permitiu o reinício das obras.

É actualmente a única parte em obras ainda por concluir no projecto da Estrada Circular, exceptuando a secção seis, que devia ligar a entrada do Porto de Maputo, na EN1, e a zona do Nó da Machava.[CC]