Nacional

Polícia procura autores de mais um rapto

2021-04-14 04:34:27 (UTC+01:00)

A Polícia da República de Moçambique (PRM) confirmou na tarde desta terça-feira a ocorrência do segundo rapto, em menos de uma semana, na cidade de Maputo.

MAPUTO- A corporação já está a trabalhar em coordenação com o Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC) com vista a esclarecer os casos. De acordo com o porta voz da PRM, Leonel Muchina, citado pelo Jornal Notícias trata-se de uma mulher de 49 anos de idade, raptada por indivíduos que tinham uma pistola e uma viatura de cor preta.

“A Polícia fez-se ao local e efectuou a reconstituição do crime. Diligências estão em curso que vão culminar com a detenção dos meliantes e o regresso da vítima ao convívio familiar”, assegurou.

O penúltimo rapto ocorreu na noite de domingo, no bairro do Alto-Maé, onde foi raptado o empresário Arvin Kumar. Muchina apelou à colaboração da população na identificação de possíveis cativeiros.

Há alguns meses que não se registavam sequestros de empresários na cidade e província de Maputo. O facto colocou em alerta as autoridades policiais, que prometeram redobrar esforços para estacar o fenómeno.

Na sequência, a vítima que é esposa de um empresário teria sido interpelada pelos criminosos quando saía do Consulado Geral de Portugal, na avenida Mão Tsé Tung, quando a arrastaram à força para o interior de uma viatura de preta, de marca Honda, matrícula AJE 897 MC, que se encontrava estacionada nas proximidades e em seguida colocaram-se em fuga.