Vida e Lazer

Argelino desaparecido há quase 30 anos encontrado na casa de vizinho

2024-05-17 06:53:55 (UTC+01:00)

Um homem argelino que desapareceu há 27 anos foi encontrado no curral de um vizinho, numa aldeia da província de Djelfa, na Argélia, a cerca de 300 quilómetros da capital, no último domingo.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram o momento em que Omar é resgatado de um buraco, coberto por pilhas de feno. As informações são do Daily Mail.

O cativeiro ficava na casa do vizinho, a menos de 200 metros da casa da sua própria família. O suspeito do sequestro, um homem de 61 anos, que não teve a identidade revelada, está agora sob custódia policial. O rapto foi desvendado depois que o irmão do sequestrador divulgou o crime nas redes sociais, após uma suposta disputa de herança.

Omar, que hoje tem 45 anos, despareceu por volta de 1998, durante a Guerra Civil Argelina, que durou entre 1991 e 2002. A sua família assumiu que tinha sido raptado ou morto. A sua mãe morreu em 2013 sem nunca saber a verdade sobre o desaparecimento do seu filho Omar.