Vida e Lazer

Britânico com pénis no braço conseguiu finalmente colocá-lo no sítio certo

2022-05-13 08:57:32 (UTC+01:00)

Correio da Manhã:Homem viveu seis anos com o pénis no sítio errado devido a uma infeção que fez o membro cair há 12 anos.

Malcom MacDonald, um britânico de 47 anos, viveu durante seis anos com um entrave no seu dia-a-dia: não podia mostrar os braços. O homem teve, durante seis anos, um pénis reconstruído no seu braço, depois de ter perdido o órgão sexual devido a um caso de sépsis, em 2014. O inglês, o primeiro paciente a sujeitar-se ao procedimento, conseguiu finalmente a operação por que tanto esperava: voltar a colocar o pénis entre as pernas.

Segundo os médicos, o britânico vai poder urinar normalmente e ter relações sexuais, uma vez que será instalado um mecanismo de inflação para que o homem consiga ter um ereção.

Malcom desenvolveu, em 2014, uma infeção no períneo que evoluiu rapidamente e causou sépsis, infetando o sangue, e espalhando-se pelo corpo. "Espalhou-se para os meus dedos das mãos e pés e deixou-os negros. Quando o meu pénis ficou da mesma cor fiquei lívido. Foi como um filme de terror. E depois um dia ele caiu no chão, simplesmente", conta Malcom em entrevista ao The Sun em 2020.

Malcom contou que durante anos não conseguia usar camisolas de manga curta ou até ir à praia, o que perturbou a sua saúde mental durante vários anos. O homem, divorciado e pais de dois filhos, viveu em depressão e teve problemas de alcoolismo até que descobriu o Dr. David Ralph, um famoso médico especialista na reconstrução de pénis.

Através de um fundo do Serviço Nacional de Saúde britânico, Malcom conseguiu garantir a sua operação para voltar a ter pénis (os testículos mantêm-se saudáveis). Até fez um pedido para que lhe aumentassem o tamanho do órgão em cinco centímetros.

Os médicos usaram uma veia retirada da perna de Malcom e reconstruíram-lhe o órgão genital com pele retirada do braço. A última operação estava marcada para 2018, mas Malcom estava doente e não pode ser operado.

Uma série de atrasos depois, Malcom iria ver o seu novo pénis finalmente no local correto, mas a pandemia voltou a trocar-lhe as voltas. Conseguiu, agora, realizar a operação com sucesso e diz ao Daily Mail que finalmente tem a sua masculinidade de volta.