Google testa drones que transmitem Internet 40 vezes mais rápida do que o 4G

2016-02-04 06:18:27 (UTC+00:00)

O Project SkyBender é o mais recente esforço da tecnológica norte-americana para criar formas alternativas de distribuir Internet.

MAPUTO - Os testes aos drones já estarão a ser realizados nos EUA e numa ‘casa’ que está a ser dividida com a Virgin Galactic.

Mais um projecto secreto da Google que é revelado ao mundo: SkyBender, a frota de drones tem como objetivo distribuir Internet de nova geração. O relato é avançado pelo The Guardian e detalha a intenção da gigante norte-americana em transmitir ondas de rádio milimétricas com uma grande capacidade de transporte de dados e na casa dos gigabits.

A tecnologia que a Google estará a testar no estado do Novo México, nos EUA, será ao que tudo indica a estrutura base das redes 5G e permitem uma Internet até 40 vezes mais rápida do que aquela que é possível atingir actualmente em redes 4G.

Os drones estão a ser testados num aeroporto remoto onde a Virgin Galactic tem a sua base instalada. O hangar estará até a ser dividido com a Google, pagando a gigante dos motores de busca uma renda diária de mil dólares.

A frota de drones movidos a energia solar é operada através de um centro de controlo próprio que a tecnológica de Mountain View instalou no local.

O The Guardian escreve que o objectivo final da Google é ter uma frota com milhares de aeronaves autónomas a entregarem Internet em todo o mundo.

Um dos grandes desafios que a Google terá de ultrapassar é o facto de a tecnologia de ondas de rádio milimétricas ter um menor alcance do que as redes 4G e de ser mais susceptível a interferências - o mau tempo condicionaria o seu desempenho, por exemplo.

Para contornar a questão a empresa estará a testar um sistema de transmissão por fases que permitiria ter uma projecção do sinal mais forte e consistente.

Todo o projecto está a ser desenvolvido com a tecnologia da Titan, empresa que a Google 'roubou' ao Facebook em 2014.[MCM]