Vida e Lazer

Padre usa dinheiro dos fiéis para orgias e drogas na Itália

2021-10-01 13:25:30 (UTC+01:00)

Um padre da diocese de Prato, em Itália, foi detido, na última semana, por suspeita de ter utilizado o dinheiro de donativos dos fiéis para comprar uma grande quantidade de droga e organizar uma orgia.

Segundo o site de notícias "JN", o padre Francisco Spagnesi, de 40 anos, foi detido e acusado de comprar meio quilo de cocaína e GBL, substância conhecida como a "droga da violação", para uso pessoal e para serem utilizados numa orgia.

A detenção ocorreu depois de a polícia ter apanhado o cúmplice que lhe levava a droga da Holanda. Segundo a polícia local, o padre teria comprado a droga com o dinheiro dos donativos dos fiéis e justificava o desvio das contas, com a ajuda a "pessoas necessitadas da paróquia".

De acordo com os meios de comunicação locais, a droga que ele importava, com ajuda de uma célula criminosa toscana, seria utilizada nas orgias que organizava a partir de sites de encontros sexuais, que envolviam mais de 200 pessoas.

O bispo de Prato, Giovanni Nerbini, mostrou a sua tristeza depois de ter tomado conhecimento da notícia e refere que já estava a par dos problemas psicológicos do padre. Quando percebeu que, além dos problemas psicológicos, o padre também era viciado em drogas, destituiu-o para se conseguir focar na reabilitação.

Devido à elevada quantia de droga importada, o padre encontra-se em prisão domiciliária por tráfico e importação de estupefacientes.